MENU

LOGIN

Press Releases

06 February 2017

AHP assina protocolo com Câmara Municipal de Lisboa para apoio aos refugiados

A AHP - Associação da Hotelaria de Portugal e a Câmara Municipal de Lisboa assinaram hoje um protocolo de colaboração que visa apoiar refugiados em Lisboa, numa cerimónia que decorreu no Salão Nobre dos Paços do Concelho. 

Ler mais
24 January 2017

AHP organiza workshop sobre o mercado alemão

A Associação da Hotelaria de Portugal (AHP), em colaboração com a Câmara de Comércio e Indústria Luso-Alemã, organiza o workshop “O Mercado Alemão. Uma Abordagem ao Turista: Identificar, Comunicar e Fidelizar”, a realizar dia 26 de janeiro, das 9H00 às 12H30, no Museu Nacional de Arte Antiga.

Ler mais
24 January 2017

Eventos tiveram forte impacto na hotelaria em novembro de 2016

De acordo com o AHP Tourism Monitor, programa exclusivo de recolha de dados dos hotéis, realizado mensalmente pela Associação da Hotelaria de Portugal, o mês de novembro registou uma ótima performance e manteve o ritmo de crescimento a dois dígitos em alguns dos principais indicadores. 

Ler mais
04 January 2017

AHP aplaude decisão de rescisão de contratos de prospeção e exploração de petróleo no Algarve

A AHP – Associação de Hotelaria de Portugal, já manifestou junto do Governo a satisfação pela tomada de decisão de rescindir com os contratos de pesquisa, desenvolvimento e produção de petróleo onshore no Algarve tendo ainda mostrado todo o apoio na revisão de outros contratos pendentes que inequivocamente prejudiquem a imagem de Portugal e, por isso, a rendibilidade e sustentabilidade de um setor vital para a economia portuguesa.   “É com enorme satisfação que recebemos a notícia da intenção do Governo de avançar com o processo de rescisão dos contratos que estavam previstos para o Algarve. Tal como já tínhamos afirmado, a indústria petrolífera não é compatível com o Turismo e com o maior destino turístico nacional e iria levar à quebra de avultados milhões de euros de receitas”, adianta o presidente da AHP, Raul Martins.   A AHP defende a necessidade de definir prioridades para o País: “A aposta no turismo sustentável, que vive da excelência dos nossos recursos naturais e que justifica medidas especiais de proteção como a criação de Parques Naturais, como é o caso do Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina, não é compatível com a prospeção e exploração de petróleo e gás. Ou seja, do ponto de vista económico, existem razões para travar tal exploração/prospeção porquanto a mesma inviabiliza uma outra atividade de enorme importância para Portugal, como é, reconhecidamente, o Turismo. De resto, é do conhecimento geral os investimentos turísticos e imobiliários que têm vindo a ser efetuados em toda a zona da Costa Alentejana e Costa Algarvia, como forma de promoção nacional e internacional”.   “Desta forma, e sabendo que existem outros contratos para a exploração petrolífera pendentes, consideramos ser essencial que o Governo mantenha a mesma posição que agora foi tornada pública, impedindo consequências nefastas que a exploração petrolífera acarretará para o País em termos económicos e ambientais”, conclui o responsável.

Ler mais
A exibir 9-12 de 14 itens.