MENU

LOGIN

Notícias

thumbnail
04 January 2018

CNN Travel elege Lisboa como um dos lugares a visitar em 2018

Esta segunda-feira, o primeiro dia de 2018, a CNN Travel publicou no seu site uma lista dos 18 lugares a visitar este ano. Nos “18 melhores lugares para visitar em 2018” encontra-se Lisboa, com a publicação norte-americana a destacar as principais características da capital portuguesa. A lista, sem ordem de preferência aparente, visa cidades, ilhas, países e parques. A par com Lisboa surgem as ilhas de Cabo Verde, o Botum Sakor National Park no Camboja, as ilhas Malta, Creta e Nevis, as cidades de Nagano no Japão, Puebla no México, Essaouira em Marrocos, Banff no Canadá, Perth na Austrália, Cajamarca no Peru e PyeongChang na Coreia do Sul, onde serão realizados os Jogos Olímpicos de Inverno de 2018. Nas 18 escolhas da CNN Travel figuram também as cidades norte-americanas de Asheville, na Caroline do Norte, e Nova Orleães, em Luisiana, com destaque ainda para a província chinesa de Yunnan e para a Sérvia e Ruanda. O site da publicação norte-americana afirma que Lisboa já “não é segredo”, mas destaca que em 2018 vai receber o Festival Eurovisão da Canção em Maio, que trará à cidade milhares de fãs. Fala também na gastronomia local, com Portugal a ostentar estrelas Michelin em 28 dos seus restaurantes, seis destes em Lisboa, e na “cidade resort” de Sintra, com “palácios de contos de fadas e arquitectura romântica europeia”. Refere ainda a nova ligação diária da Delta Airlines entre Atlanta e Lisboa, a iniciar a 24 de Maio, para colmatar com a ascensão de Lisboa como um tech hub,“com rendas mais baratas que Londres, melhores praias que Berlim e um panorama cultural proeminente”. in Turisver

Ler mais
thumbnail
03 January 2018

Programa de responsabilidade social da hotelaria nacional doou mais de 21.700 bens

Através do programa corporativo de responsabilidade social e sustentabilidade ambiental da AHP – Associação da Hotelaria de Portugal, o Programa Hospes, os hotéis portugueses doaram mais de 21.700 bens em 2017.   Entre estes contam-se 990 camas e colchões, 3.853 roupa de cama e almofadas, 2.279 atoalhados, 3.344 roupões e chinelos, 971 tapetes e cortinas, 746 móveis, 51 electrodomésticos e equipamentos industriais, entre muitos outros.   Segundo a associação, estes dados, ainda preliminares, referem-se às doações efectuadas por 45 hotéis portugueses durante o ano de 2017 a 31 instituições de solidariedade social com quem a AHP celebra um protocolo de cooperação, ressalvando que os bens se destinam exclusivamente ao uso das instituições protocoladas ou famílias que estas apoiam, estando interdito qualquer aproveitamento ou uso comercial.   Cristina Siza Vieira, presidente da Direção Executiva da AHP, salienta que “todos os anos a generosidade e empenho dos hotéis têm ultrapassado as nossas melhores expectativas, e 2017 certamente não foi excepção. A média das doações orçou as 1.800 por mês, ou seja, 400 bens por semana, o que equivale a cerca de 60 bens por dia. É também importante lembrar que estes são artigos que, até ao momento da doação, estavam a uso nos hotéis portugueses. São, por isso, bens com valor económico, passíveis de serem comercializados, que os hotéis nacionais escolhem introduzir na economia social, e contribuindo para a chamada “economia circular”, com inquestionáveis vantagens também para a sustentabilidade ambiental”.   Os hotéis que contribuíram para este programa foram os seguintes: Altis Avenida Hotel; Altis Belém Hotel & SPA; Altis Grand Hotel; Altis Prime; Altis Suites; Caloura Hotel Resort; Dom Carlos Liberty; Eurosol Leiria & Jardim; Grande Real Villa Itália; Holiday Inn Express Lisbon – Oeiras; Holiday Inn Lisbon; Holiday Inn Porto Gaia; Hotel Areias do Seixo; Hotel Aveiro Center; Hotel Baía Cascais; Hotel das Salinas; Hotel Gat Rossio; Hotel H10 Duque de Loulé ; Hotel Mundial; Hotel Princesa Lisboa Centro; Hotel Quinta da Marinha; Hotel Real Oeiras; Hotel Real Palácio; Hotel Real Parque; Hotel Roma; Hotel Santa Justa Lisboa; Hotel Vila Galé Ópera; Hotel Vila Galé Tavira; Inspira Santa Marta; Lisboa Marriott Hotel; Morgado Golf & Country Club; Neya Lisboa Hotel; Olissippo Lapa Palace; Salema Beach Village; Salgados Dunas Suites; Salgados Palace; Salgados Palm Village; Salgados Vila das Lagoas; São Rafael Atlântico Hotel; São Rafael Suites; Sofitel Lisbon Liberdade; Stay Hotel Évora Centro; Stay Hotel Guimarães Centro; The Vintage Lisbon; Vilalara Thalassa Resort.   O programa de Responsabilidade Social e Sustentabilidade Ambiental da AHP foi criado em 2013 e, até ao final de 2017, 87 hotéis tinham doado mais de 48 mil bens a 44 instituições.   Estima-se que nestes cinco anos o valor das doações tenha atingido os 900 mil euros em bens. Por seu turno, o custo de substituição dos bens e equipamentos doados por novos terá sido aproximadamente de 2,5 milhões de euros.   im Publituris

Ler mais
A exibir 5-6 de 6 itens.